Tuxa, a Bruxa – Bonecas de pano artesanais

 A lua está no céu
A piscar um olho ao breu
As nuvens foram embora
E a única estrela sou eu.

Sou meiguice em forma de bruxa
Meu olhar é assombração
O doce feitiço da Tuxa
Faz meu o teu coração.

Mas para eu contigo brincar
Nesta noite tão escura
Responde sem hesitar
Doce ou travessura?
 
Só então poderei, finalmente,
Dar vida às crenças murchas
E declarar solenemente
Aberta a noite das bruxas…

(Rui Cruz, 2019)

Para conhecer as suas amigas clique nos nomes abaixo:

Vanessa

Mia

Julinha

Rute

A Mãe

(Visto 348 vezes, 1 visitas hoje)

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.